POLITICA - Publicado em: 07/11/2019

Eleição Suplementar: Ministério Público pede indeferimento da candidatura de Ronaldo Venâncio em Ceará-Mirim.


Um dos candidatos a prefeito é o vereador Ronaldo Venâncio que ocupa o cargo de prefeito interino do município.Mas as notícias não são nada animadoras para Ronaldo, é que o Ministério Público pediu o indeferimento da candidatura de Ronaldo Venâncio, tendo em vista o mesmo possuir reprovação de contas de anos em que foi presidente da Câmara dos vereadores de Ceará Mirim.

Ao todo são 8 contas reprovadas e consequentemente 8 processos contra Ronaldo, alguns já transitado e julgado com condenações a devolver o dinheiro aos cofres públicos.  O Tribunal de Contas do Estado solicitou e o município já executou R$ 292.447,41 e pede que Ronaldo devolva esse valor aos cofres públicos.

O fato consolida cada vez mais a mira da inelegibilidade no início da campanha do prefeito interino. Os oito processos de reprovação no TCE quando Ronaldo Venâncio era o gestor da Câmara Municipal são: Prestação de Contas 8259/2006, 4966/2007, 11.943/2006, 12.855/2007, 1708/2008, 700359/2010, 277/2011 e 701515/2011.

Faça seu comentário





O preenchimento de todos os campos são obrigatorios.

Comentários

Por: - em 31/12/1969